Outfits    Sets & Details    Closet    Opinion    Trends & Style Crush     Personal    Videos    Photos & Words    Beauty    Model Talk    Food, Fitness & Health    DIY    Events


ShareThis

Apr 14, 2015

Outfits | Cowgirl in the making!


black coat: c/o Choies | khaki t-shirt: c/o Abaday | jeans: ZARA | sandals: Bershka
watch: c/o Daniel Wellington | colorful bracelets: H&M | hat: c/o Romwe | bag: Parfois

Hi there!
I couldn't help to stare at these pictures and think of cowboys and such!
Maybe it's the hat, the fierce attitude, the poses...or maybe it's just my hyperactive imagination!
That being said, hope you enjoy my new outfit!
It's something simple, very wearable - with the exception of the super high sandals! - and very me!

Wish you a wonderful week!



Apr 12, 2015

Personal | Loving Oporto, eyeliner again and yummy stuff!


Another personal post, with details of the last couple of days!
Alert: there's a lot of sea porn, food porn and gym porn too!
Beware!

______________

Olá, olá!
É outra vez aquela altura do mês em que eu discorro sobre as alegrias e tormentas dos meus dias,
acompanhando estes monólogos com os momentos (agora rectangulares) do meu Instagram!
Pois bem, as últimas semanas foram passadas maioritariamente sob um céu azulado,
entre as duas cidades que, agora, dominam a minha vida: Braga e Porto!
Braga continua a ser aquele refúgio, aquele local onde me reuno com família e amigos, a minha raíz...
Mas é impossível passear pela Ribeira do Porto ou pela Foz, ter o mar tão perto, sentir-lhe o cheiro sempre que quiser,
sem sentir que o meu coração grande arranja, aos poucos, um espacinho para acomodar a Invicta!

A única coisa que me poderia fazer adorar o Porto mais seria não existir trânsito,
nem ser preciso estar meia hora aos círculos para tentar estacionar o carro no centro,
nem as pessoas conduzirem como se 1 minuto de espera fosse determinante na sua vida...
Até poderão dizer: "Tens sempre a opção do metro e outros transportes públicos..."
Até tenho, e provavelmente se morasse no centro do Porto usá-lo-ia muito mais...
mas partindo de Rio Tinto, prefiro usar o carro.

Tenho experimentado aulas novas no ginásio, nomeadamente Pilates e TRX, e gostei bastante!
O exercício é sem dúvida essencial para o meu bem-estar, relaxa...
E porque a vida não é só queimar calorias, é preciso ir comendo comidinha deliciosa para desgastar depois!
Tenho experimentado alguns restaurantes, nomeadamente a pizzaria Pulcinella em Matosinhos e o Em Carne Viva, um vegetariano na Boavista!

Deixo-vos com as fotos das últimas aventuras!
 Eyeliner is baaaaack!
 O Douro ao pôr-do-sol tem bastante encanto!
 Fiquei na dúvida entre comprar ou não comprar estas sandálias da Pull&Bear...que dizem?
SIM ou NÃO?
E porque fazer exercício também implica estar vestida a rigor, estreei esta roupinha da Bottom!
#pinkpower


Apr 11, 2015

Opinion | Da Carolina Tendon, da morte e de como os médicos também sentem


Como muitos de vocês talvez já saibam, eu sou médica.
Ao longo destes anos, naturalmente, já vi algumas pessoas morrerem e muitas outras quase mortas.
Neste momento sou aprendiz de Médica de Família e, sei-o bem, 
irei enfrentar muito mais perdas entre os meus doentes, 
porque o ser humano está longe de ser imortal!

Mas não é por esse motivo que a morte me deixa indiferente, bem pelo contrário!
A morte, para muitos médicos, é o maior antónimo que alguma vez enfrentarão...
e fá-lo-emos, sempre que nos for possível, com os punhos bem cerrados, lutando de forma incansável...
Mas, para todo e qualquer homo sapiens sapiens, a noite derradeira é inevitável!

Positivos como só os detentores de espírito humano podem ser, acreditamos, quase sempre,
que a morte irá chegar quando formos muito velhinhos,
que a nossa família nos irá rodear o leito e encher de palavras meigas,
que a nossa travessia será marcada pelas memórias dos bons momentos que passámos,
que não haverá lugar para arrependimentos...
Mas, tristemente, a vida (ou a morte) nem sempre se desenrola como imaginamos...
  
Nunca tinha ouvido falar da Carolina Tendon...até "a descobrir", por acaso, no Facebook,
As palavras eram simples, pungentes, dolorosas, lindas...
e, rapidamente, as lágrimas afogaram os meus olhos castanhos 
e eu fui recordada de quão frágil a vida humana é,
de que, por vezes, os nossos planos saem furados,
de como estar vivo é uma dádiva inconcebível,
de como aproveitar todos os momentos é realmente importante...
porque nunca sabemos se não serão os últimos!

Sei agora que ela foi aquela jovem da qual se falou nas notícias,
a propósito da sua presumível causa de morte (um tromboembolismo pulmonar),
e da mesma estar potencialmente associada à pílula contraceptiva que tomava, a Yasmin.

A morte desta jovem de 22 anos, que eu provavelmente nunca iria conhecer, tocou-me!
Talvez por ter o nome da minha irmã mais nova;
talvez por estudar veterinária, a medicina para animais, e eu me sentir próxima dela;
talvez por adorar dançar, e eu ter feito ballet durante 13 anos;
talvez porque escrevia, tal como eu, desde os 10 anos de idade;
talvez por ter morrido durante o sono, sozinha, na sua cama,
sem uma única das pessoas que, seguramente, a amavam, para lhe beijar a testa uma última vez;
talvez por, ao invés da Carolina, poder ter sido eu a morrer...
ou qualquer outra jovem mulher, como tu...tu...ou tu!

Descobri também que o namorado e a família da Carolina cumpriram o seu desejo de um dia escrever um livro,
ao publicarem o "De Mim para Mim", que reúne os textos que a jovem escreveu.
Não fiquei indiferente e encomendei-o aqui.
Não a ajudará a regressar ao mundo e a caminhar os passos que lhe estariam destinados,
mas, de alguma forma, será como se a Carolina pudesse viver em cada palavra deixada...

Desejo muita força a todos os familiares, amigos e ao seu namorado...
ver uma vida jovem ceifada nunca é fácil...


P.S.
Gostaria de deixar umas palavras, enquanto médica, em relação aos contraceptivos,
para, potencialmente, ir de encontro às muitas dúvidas que poderão ter surgido ao verem a notícia.
Poderão ler tudo depois do "Read More".