05 November 2011

Opinion | A moda da recessão


Tonight it's only in portuguese, my dears! It's a column I did for my college newspaper. Feel free to translate it and enjoy too! ;)

Oh, and AWESOME news for meeee! I won one of the romwe 80$ voucher at the lovely Karin giveaway!!! :D SO happy!!!

*******

Olá a todos! O meu exame correu menos mal! ;) Estou muito cansadinha, mas feliz por estar liiiiivre!!! Amanhã vou ver os vossos blogs todinhos, prometo!

Ah, e ÓPTIMAS notícias para mim!!! Ganhei um dos vouchers de 80$ na giveaway da linda  Karin! :D

Aproveito para partilhar aqui o texto que escrevi para o jornal do meu pólo universitário, o Haja Saúde. 

Assumi a coluna do "Haja Moda!", o que não me podia deixar mais satisfeita! (Também estou por detrás da coluna do Haja Sexualidade, já agora! :p)



"Na minha "tomada de posse” do Haja Moda! fui assaltada pela vontade súbita de inovar. Claro, é bom saber as tendências que as grandes casas de moda ditaram para esta estação. No entanto, considero que trazer um pouco de realismo à passerelle é bem mais importante do que repetir o que facilmente saberão por revistas e blogs.

Nem mesmo a moda, uma indústria de milhões, consegue ficar indiferente à crise dos mercados e das carteiras. As grandes marcas, embora sofram menos este efeito, não estão à margem; algumas deixam de sustentar as colecções de Alta Costura, e outras há que fecham mesmo as portas. No entanto, as marcas mais comerciais são as que sofrem o maior golpe, à medida que o seu público-alvo perde força. Se pensarmos bem, os sacos debaixo dos braços são cada vez mais escassos nas idas ao shopping. As marcas sabem disso. Por isso, numa tentativa de maximizar as vendas, praticam a produção em massa a preços mais acessíveis, atentando sempre ao que “se usa” – conceito de fast-fashion, utilizado por marcas como Zara, H&M e Primark. Assim, carteiras moderadamente magras conseguem vestir-se de forma actual, e não passar fome por isso.

No entanto, poupar na moda não passa apenas por se comprar na loja x. É preciso pensar bem no que já temos, no que precisamos e no que gostaríamos de ter, e pesar isso tudo quando vamos às compras, de modo a criar um armário harmonioso. Não nos serve de nada ter as 7 cores do arco-íris, se não as sabemos usar; não importa ter peças lindíssimas e vistosas, se não temos básicos com que as conjugar.

Mediante esta realidade, só nos resta definir prioridades. Propostas para este inverno? Um casaco de bom corte, uma confortável camisola de lã e uns botins versáteis. E imaginação em tempo de crise."


14 comments:

  1. Gostei muito Nádia! Concordo a 100%, não podias estar mais certa. :) Há que encontrar mil e uma maneiras e contornar a dita fase pela qual vemos o país a passar.

    http://ballerinabird.blogspot.com

    ReplyDelete
  2. Adorei o artigo, parabens!! E ja agr tambem por teres ganho o giveaway! =) So eu e que nao ganhei nda!! Quero ver o que vais pedir!!


    http://placequotehere.blogspot.com

    ReplyDelete
  3. Parabéns! =D
    E sim, concordo contigo, não temos de gastar imenso dinheiro em roupa para andar bem, é preciso é ser inteligente no que se compra.

    love, pi*
    There's a giveaway on my blog! ;) http://theperfumerecipe.blogspot.com/

    ReplyDelete
  4. Oh és tão adorável Nádia! Desejo-te o melhor para o teu blog mesmo, é um orgulho ter bloggers portuguesas como tu! ♥

    http://ballerinabird.blogspot.com

    ReplyDelete
  5. está óptimo o artigo!

    xoxo


    annasilk
    trendanalogy@blogspot.com

    ReplyDelete
  6. é sem dúvida um belíssimo artigo e com toda a razão!! =) penso que é necessário haver mais gente como tu a consciencializar a mente dos consumidores, pois acho que ainda há muita gente que gasta sem necessidade e sem pensar no que tem em casa!! =)

    ReplyDelete
  7. is so beautiful!

    http://www.ohmydior.org/

    ReplyDelete
  8. ahhahahah a sériooo?? ahahh estou meeega surpreendida com a tua variedade de escrita xuxu!! e acima de tudo, isso mesmo: imaginação nestes tempos! *

    ReplyDelete
  9. gostei muito do artigo, está fantástico! :)

    ReplyDelete
  10. Adorei o artigo!
    Tens muito jeito, já te estou a ver daqui uns aninhos a trabalhar na VOGUE ;)

    XOXO
    http://foreverfashion-2011.blogspot.com/

    ReplyDelete
  11. obrigada senhor por existir alguém que pensa como eu!

    passo a vida a repetir o mesmo discurso a amigas, que me elogiam a maneira de vestir e depois queixam-se que 'não podem'... 'e eu posso?! eu que tenho contas para pagar ao contrário de ti?' e todas as vezes tudo o que tenho vestido dá um total bem mais baixo que do que elas próprias têm...
    basta procurar, comparar, estudar bem se vale ou não a pena. acima de tudo (tal como disseste) sejam racionais e não é preciso gastar milhões para andar bem vestido ;)

    PARABÉNS querida, adorei!

    ReplyDelete
  12. Nem mais! Já uns tempos tinha falado nisso mas nunca é tarde para repetir a mesma noção. De certo que muitas de nós temos peças que poucas vezes vestimos ou se encontram esquecidas por isso... Imaginem e vasculhem... Beijinho Nadia

    ReplyDelete
  13. É isso tudo!! Muito bom!!

    http://hiimab.blogspot.pt

    ReplyDelete

Partilha o que pensas e não te acanhes! ;)
Se fizeres alguma questão directa, eu responderei no post! Para receberes um aviso com a resposta basta clicares em "subscribe by email".

Se preferires, podes contactar-me por e-mail (myfashioninsiderblog@gmail.com) ou através da página do Facebook (sou mais rápida)!

P.S. Aqui há espaço para críticas, mas insultos, ataques pessoais e demais despropósitos não serão publicados!

ShareThis