26 February 2013

Personal | Saying Goodbye



Today I had to say goodbye to someone special... The boy in these pictures. The boy that stole my heart.
He will be gone for 3 months...and I know I'll miss him terrible...more than I can imagine right now...
I guess it's only natural that when you find your home, you don't like to stay away from it too far...

_____________

Este pequeno post é um pouco mais pessoal...
Hoje tive de dizer "até já" a alguém de quem gosto muito. Estou a referir-me ao meu namorado, que irá estar 3 meses em Madrid.
Não é assim tanto tempo, e o mais provável é que consiga visitá-lo pelo menos uma vez...mas pensar em estar longe dele de novo...baaaaah!
Estivemos 5 anos separados (isso deveria contar para a vida toda!), um mês depois de recomeçarmos ele foi estagiar em Oeiras...
Agora esteve um mês cá, e já vai de novo! Se eu não fosse uma rapariga crescida (hihihi), até batia o pé!
Mas tem de ser, hoje em dia temos de nos enriquecer o máximo que pudermos na nossa área!
Eu tenho as minhas batalhas e ele tem as dele!
Podia ser bem pior! Mas o que sei é que durante estes 3 meses vou sentir muito a falta dos seus carinhos...
dos bons momentos, dos risos...do dia-a-dia...de chegar ao fim de um dia de trabalho e estudo e aconchegar-me nos seus braços...

Big girls don't cry mas hoje, ao regressar à minha cidade depois de o deixar no aeroporto,
estava muito sensível e um tanto emocionada!
Mas não há motivo para choros, certo? Vai passar rápido, tenho a certeza!

E vocês, também estão longe dos vossos companheiros? O que fazem para lidar com isso?

Beijinhos e obrigada pelo vosso apoio!

20 comments:

  1. É sempre muito complicado, mas vocês vão ser fortes.

    ReplyDelete
  2. Eu de certo modo sou uma sortuda. Eu vivo com o meu namorado em Coimbra. Basicamente, estamos separados durante o dia em aulas e trabalho, mas ao final do dia jantamos juntos, estudamos ou vemos um filme.
    Sabe bem. Mas compreendo-te porque chegado o Verão a separação custa muito mais!! ;)

    ReplyDelete
  3. Vou-te confessar uma coisa um bocado parola, mas em 10 anos de casados a primeira vez que eu e o meu marido estivemos longe um do outro assim por mais tempo - tipo nem dormirmos na mesma cama á noite - foi quando fui internada para o nosso filho nascer e tive de ficar no hospital quase uma semana. Na primeira noite chorei que me fartei, e ele coitado nem na nossa cama conseguiu dormir, ficou no sofá da sala. Depois do puto ter nascido, eu não me senti tão desacompanhada nas duas primeiras noites, mas á terceira já estava pelos cabelos e só queria ir para casa. Custou-me horrores estar longe dele, e hoje em dia só de pensar em passarmos uma noite separados... arghhhh, não não não. Por isso, acho que tu e o teu boy são mesmo muito corajosos e esse amor deve ser preservado, imagino o que vos deve custar esta distância, mas tambem imagino o reencontro ;) Força para os dois**

    ReplyDelete
  4. Não há palavra mais portuguesa que "Saudade". Partilho aqui um video que espelha bem essa realidade que nós, jovens em começo de vida, sentimos cada vez mais de perto.

    O link do som "Saudade": http://youtu.be/Uv55mKL5RHI

    Força!

    Carina

    ReplyDelete
  5. Sei exatamente aquilo que sentes, visto que já estive numa situação bastante parecida. Mas se vocês já aguentaram 5 anos então 3 meses não são nada, isso sim é um amor verdadeiro!
    Agora estava a começar a apaixonar-me por um rapaz da margem sul, mas desta vez parece que a distância está a custar e que não vai resultar nada, é pena mas a vida continua :)

    ReplyDelete
  6. Compreendo perfeitamente o que estas a passar. Desde que comecei a namorar a palavra saudade é o que tem estado mais presente no nosso relacionamento. Para começar ele é da ilha da Madeira e eu sou do continente logo soube que tinha que saber lidar com isso. Apesar de estudarmos na mesma universidade e estarmos muito tempo juntos as visitar à terra natal dele custavam-me horrores, e eram apenas 1/2 semanas. Neste momento ele vive em Inglaterra, onde teve uma oportunidade de trabalho, desde Julho. Por isso vivemos entre visitas feitas um ao outro. É duro mas o amor é muito mais forte e maior que o oceano que nos separa.
    Tudo isto só para te dar muita força e para não perderes o lindo sorriso que tens :)

    ReplyDelete
  7. Eu e o meu namorado conhecemo-nos em Erasmus mas só começámos a namorar depois de cada um ter voltado para o seu país. Eu estou em Lisboa e ele em Barcelona e já namoramos há dois anos. Vemo-nos de 3 em 3 semanas, com muito esforço (somos nós que temos de pagar todas as viagens) mas em Setembro vou mudar-me para lá :)

    ReplyDelete
  8. Eu vivo em Madrid (se vieres cá, vais adorar!!) e de facto já tive uma relação à distância, é dificil, custa imenso mas pensa que Madrid é já aí ao lado, a qualquer momento tens um transporte e em poucas horas.
    No entanto, se já ultrapassaram 5 anos, o que são 3 meses ao lado disso? ahh nada.
    Animo chica!! besitos.

    http://titles-are-too-mainstream.blogspot.com.es/

    ReplyDelete
  9. Sei bem o que isso é...e o quanto é difícil..mas quando se gosta tem que se fazer sacrifícios!

    Vais ver que vai passar rápido :)

    Beijoca*

    ReplyDelete
  10. também passo por isso muitas vezes... mas costuma ser por menos tempo, tipo 2 ou 3 semanas... na minha opinião a relação fica fortalecida com as saudades e o amor cresce e amadurece...
    o que não nos mata torna-nos mais fortes... não é assim?
    o skype hoje em dia encurta muito a distância... e se podes ir vê-lo começa já a planear a viagem que vais ver que o tempo voa ; )
    *.*

    ReplyDelete
  11. Realmente custa, mas tens de ser forte porque 3 meses vão passar super rápido.
    Eu nunca tive separada do meu menino tanto tempo, no máximo estive sem ele uns 5 dias e já custa.
    Pensa positivo :)
    Beijinho
    http://paulacristinarodrigues.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  12. Em setembro eu vou para Bordéus estudar e fico lá durante um ano, sozinha.

    Já ando a sofrer antecipadamente mas sei que temos de ser fortes e que havemos de conseguir dar a volta à situação.

    Hoje em dia tudo se consegue, há bilhetes low-cost, as viagens são rápidas e se começarmos já a meter uns trocos de lado, talvez consigamos juntar o suficiente para estarmos juntos pelo menos uma vez por mês, a partir de setembro. Não sei, ninguém sabe, mas é a postura otimista que tento assumir nesta altura.

    E tu vais ver que 3 meses passam a voar e que apesar de não se poderem tocar todos os dias, podem ver-se no skype ou algo assim. Não está nem perto da sensação de sentir o calor e os abraços da nossa pessoa especial, eu sei, mas já é qualquer coisa. Pensamento positivo e muita força :)

    Um beijinho*

    http://maisumblogdegaja.blogspot.com/

    ReplyDelete
  13. como deves saber, eu estive recentemente em Erasmus na Polónia, o que significa que eu e o meu namorado ficámos afastámos cerca de 5 meses!
    no início eu estava cheia de medos que esta minha experiência pudesse acabar com a nossa relação, mas depressa tive as minhas certezas e felizmente hoje estamos como se nada se tivesse passado :D
    os segredos: muita confiança, sinceridade e contacto diário! eu abdiquei muitas vezes de me divertir com o pessoal do meu grupo para ficar a falar com ele no skype e não me arrependo em nada disso!
    acredito que esta experiência só serviu para nos fortalecer ainda mais :D

    boa sorte, vai passar num instante, vais ver! *

    ReplyDelete
  14. Também já passei por isso. Eu já namoro há cerca de 10 anos e vivo em união de facto há 6 anos. Tanto eu como o meu companheiro somos professores (profissão ingrata...) e há dois anos ele foi para Timor dar aulas durante 1 ano e meio. Não foi fácil. A distância era muita e só consegui ir lá a meio da experiência apenas por duas semanas. Custa sempre a distância mas posso te garantir que a relação fica mais forte. Vais ultrapassar tudo isto e vais gostar cada vez mais dele. Um conselho: tenta ocupar ao máximo os teus dias. Ajuda o tempo a passar. Quando deres por ti, os 3 meses já passaram. Força. beijos
    http://thewayiwalkvania.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  15. Ola Nádia* já vi que tens aqui imenso apoio de todas as meninas e as suas historias maravilhosas. Mas queria só partilhar isto contigo. O meu namorado em Dezembro foi para Belize ao pé do México e volta agora em Março. Foram também 3 meses e estamos a nos aguentar ;) não tem sido fácil porque lá a internet não é grande coisa, mas ele sempre que pode liga.
    Quando amamos e confiamos numa pessoa fica tudo mais fácil. E podia ser bem pior. Portanto força ai.Tenho a certeza que tu e ele conseguem ;)
    Um abraço*

    http://garotaembonecada.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  16. Ter saudades é saudável :) quer dizer que sabemos amar!


    http://anitanaterradonunca.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  17. Sei bem, eu ainda estou na Praia e o Carlos esta em Londres...

    ReplyDelete
  18. Força Nádia, tu és forte e vais ver que 3 meses passam a voar. ^^
    Sorrisos,
    Alexandra :)

    Segue-me!
    http://diariodumanovata.blogspot.com
    http://pieces4knowledge.blogspot.com

    ReplyDelete
  19. Já passei por isso no namoro e não é fácil. Mas passa depressa. Força.
    Beijinhos grandes.

    ReplyDelete

Partilha o que pensas e não te acanhes! ;)
Se fizeres alguma questão directa, eu responderei no post! Para receberes um aviso com a resposta basta clicares em "subscribe by email".

Se preferires, podes contactar-me por e-mail (myfashioninsiderblog@gmail.com) ou através da página do Facebook (sou mais rápida)!

P.S. Aqui há espaço para críticas, mas insultos, ataques pessoais e demais despropósitos não serão publicados!

ShareThis