07 December 2013

Opinion | Já disseste "gosto de mim" hoje?



Em publicações anteriores, falei por diversas vezes do papel da sociedade - todos nós -
na pressão constante para sermos isto ou aquilo, particularmente em termos estéticos.
Mas, por vezes, nós próprios somos o nosso pior inimigo!
Foi por isso que, no final do post The True Body Acceptance II escrevi:
"Vai ao teu espelho e repete comigo: "Sou linda!""
Todas devíamos fazer isto, todos os dias, mais do que uma vez por dia.
Não precisamos beijar o nosso reflexo, nem acharmo-nos a mulher mais bonita à face da Terra...
mas apreciarmo-nos por aquilo que somos - exteriormente e não só - é o primeiro passo para nos aceitarmos.

Não somos perfeitas! Nenhuma de nós é. Nem mesmo as modelos da Victoria's Secret.
Nem a Marilyn Monroe, nem a Scarlett Johansson, nem a Sofia Vergara, etc etc.
Há várias formas de beleza, e há beleza nas imperfeições também!
Vivemos obcecadas com pequenos detalhes, com uma coxa mais gordinha, com um rabo mais achatado,
com olhos muito juntos, com mamas muito pequenas, com a barriga saliente, com lábios finos,
e tantas vezes nos esquecemos de gostar de nós, como um todo, e apreciar aquilo que temos de bonito!
Colocamos pressões irreais sobre nós mesmas, assentes na ideia de como achamos que deveríamos ser!
Não basta apontar o dedo à sociedade e dizer "Oh, mas eles dizem que ser magro e alto é que é atraente!"
Ora, eu, por exemplo, tenho pouco mais de 1,60m de altura, tenho as minhas curvas e nunca me sinto menos atraente por isso!
(Muito pelo contrário!)
Mesmo quando era (bem) mais magra, não me deixava afectar pelos cânones dos "ideais de beleza"!
Tu também podes começar (ou continuar!) a pensar assim!
A olhar ao espelho e dizer "gosto de mim" e "sou bonita", ao invés de analisares cada defeito,
cada pedacinho que não esteja de acordo com o que o teu imaginário diz que deverias ser.
Podes começar a GOSTAR DE TI MESMA.
Com qualidades, defeitos e todas as coisas no meio.
Tudo o que faz de ti especial!

O nosso corpo, o nosso rosto e a nossa mente são tesouros nossos, pertencem-nos,
e é através destas partes que conseguimos viver, interagir com os outros, ser pessoas...
Não chames nomes a ti mesma, não te castigues, não te desvalorizes!
APRENDE A AMAR-TE COMO ÉS!
Quando o fizeres, o que os outros dizem deixará de ter importância...
especialmente quando tentarem moldar-te como se fosses uma Barbie...
TU ÉS TU!
Não precisamos de clones de gente perfeita, mas da beleza da variedade!
Não há um ser humano igual a ti no mundo inteiro!
ÉS ÚNICA!
Não mereces desprezo...muito menos auto-infligido!

SÊ A TUA MELHOR AMIGA!
NÃO ODEIES O CORPO ONDE VIVES, O ROSTO QUE TE DÁ NOME, NEM A MENTE QUE TE FAZ SONHAR!

GOSTA DE TI! Agora!

8 comments:

  1. Adorei este post e concordo completamente contigo! ♡

    ReplyDelete
  2. É por isso que te adoro, Nádia. Não te limitas a publicar os teus outfits ou mandar uns bitaites sobre moda, preocupas-te com os outros e acho que fazes muito bem aproveitar o número de seguidores que tens para partilhares estas mensagens tão bonitas, verdadeiras e inspiradoras. Obrigada!

    ReplyDelete
  3. NO entanto diz-se que todos nós tempos por aí um sósia perdido no mundo... adoooravaaaaa conhecer o meu.
    Muito bom texto, Nádia, concordo inteiramente.
    http://fashionfauxpas-mintjulep.blogspot.com

    ReplyDelete
    Replies
    1. Penso que será em termos de aspecto, certo? Eu já tive muita gente a dizer que já conheceu pessoas parecidíssimas comigo, mas suponho que em personalidade não tenham nada a ver comigo. :) Estava a referir-me ao pacote todo no texto :)

      Obrigada :)

      Delete
  4. Compreendo muito bem aquilo que tu disseste... Infelizmente estou no lado das pessoas que não consegue gostar delas mesmas... É muito triste eu ser assim, gostava de conseguir mudar e espero que um dia eu consiga mesmo. Excelente post, parabéns e muitas felicidades!

    www.tragialf.blogspot.pt

    ReplyDelete
    Replies
    1. Muita força, passo a passo chega-se lá, vais ver! :D

      Delete

Partilha o que pensas e não te acanhes! ;)
Se fizeres alguma questão directa, eu responderei no post! Para receberes um aviso com a resposta basta clicares em "subscribe by email".

Se preferires, podes contactar-me por e-mail (myfashioninsiderblog@gmail.com) ou através da página do Facebook (sou mais rápida)!

P.S. Aqui há espaço para críticas, mas insultos, ataques pessoais e demais despropósitos não serão publicados!

ShareThis