10 March 2020

Travel | Viagem de ski em Andorra


Regressei do paraíso branco que são os Pirinéus de Andorra, 
e venho partilhar convosco todos os detalhes desta escapadinha de Inverno que eu e o Diogo fizemos!

Tirando a minha rosácea, que reagiu muito mal ao frio, 
e as nódoas negras que cobrem as minhas pernas das quedas a fazer ski, 
volto leve como uma borboleta e descansada!
Fez-me mesmo bem esta pausa, sobretudo por ter sido uma experiência diferente!

Vou partilhar os detalhes da viagem, e as fotos que tirei por lá!
(Não tirei milhentas fotos, porque fiz por aproveitar a viagem ao máximo!)


DURAÇÃO 

Aproveitámos a semana do Carnaval para recarregar baterias, e desligar de todo o stress do trabalho. 
Partimos de Braga no dia 22 de Fevereiro e regressámos no dia 1 de Março, ou seja, 
a viagem correspondeu a um total de 8 noites, 6 das quais em Andorra.


VIAGEM

Optámos por fazer a viagem de carro, de Braga - Burgos - Andorra (Soldeu), e vice-versa. 
Ao todo são cerca de 12 horas de viagem, por isso fraccionámos a viagem em duas, 
e ficámos alojados em Burgos (cidade de Espanha localizada num ponto intermédio entre Braga e Andorra), à ida e no regresso.

O percurso faz-se bem, sobretudo com o bom tempo que apanhámos.
Voltaria a optar por este método, já que ter carro em Andorra dá bastante liberdade!
Fizemos, ao todo, cerca de 3000 km, entre o total das viagens e os percursos em Andorra.

Em portagens ficou um total de 76,92€
e em gasóleo (aproveitámos para atestar duas vezes em Espanha e uma em Andorra) 153,38€.
Só estacionámos o carro no interior em Andorra uma noite, porque nevou, e ficou 10€. 
Nos outros dias ficou na rua, sem qualquer problema. 


ESTÂNCIA DE SKI, FORFAIT, SEGURO & ALUGUER DE MATERIAL

Optámos pela estância GRANDVALIRA em ANDORRA
que conta com 6 sectores e mais de 200km de pistas, abertas entre as 9 e as 17h.

Para aceder à estância é necessário adquirir os chamados “FORFAITS”, 
que vos dão acesso a todos os sectores.


Imprescindível também foi alugar o MATERIAL DE SKI: botas, skis e batons. 
Escolhemos a qualidade média e reservámos online. 
O capacete foi alugado directamente na estância.

Também optámos por fazer um SEGURO DE SKI através do próprio site Grandvalira 
(e olhem que o Diogo leu todinho e achou que era bastante bom).

Para o total de 5 DIAS DE SKI , o FORFAIT + SEGURO SKI + ALUGUER MATERIAL SKI ficou um total de 382,5€ por pessoa.


SECTOR DE GRANDVALIRA & AULAS DE SKI 

Sendo eu uma iniciante na arte de esquiar era bastante importante escolher bem o sector:
o objectivo foi que o sector onde passássemos a maior parte do tempo tivesse pistas fáceis para mim, 
mas sem ser o completo tédio para o Diogo, que já tinha esquiado há uns 15 anos...

A dificuldade das pistas de ski avança desta forma:
verde (principiante) - azul (intermédia) vermelha (difícil) - preta (muito difícil)

Assim, acabámos por escolher o sector SOLDEU como ponto de partida, 
e foi lá que tive as minhas aulas de ski.
Toda a gente recomenda que se tenha aulas, 
e eu reitero essa necessidade: ajudou imenso a não desistir à primeira contrariedade!


Aprender ski não é fácil, aviso desde já! 
Há muitas quedas envolvidas, e, no meu caso, muita frustração por não estar a evoluir como queria.
Houve alturas que estive perto de desistir, de tão difícil que é!
Mas a parte bonita é que, quando lhe começam a apanhar o jeito, vão começar a desafiar-se,
avançando para pistas cada vez mais complicadas, andando mais depressa...

Escolhi ter aulas colectivas para nível principiante (debutante), durante os 3 primeiros dias. 
Cada aula teve uma duração de 3h (das 10h às 13h) e éramos cerca de 6 pessoas para cada monitor. Gostei imenso, deu-me bastante confiança e fez-me avançar mais depressa! 
Comprámos as aulas com antecedência, também no site Grandvalira, e ficaram 133€ por pessoa.


Nos 2 últimos dias optámos por explorar as pistas do sector vizinho EL TARTER, 
que comunica directamente com SOLDEU. 
Gostei bastante, é um sector muito completo. 
Enquanto eu me diverti a fazer a pista azul Gall de Bosc desde o topo, 
tentando não parar a cada 5 metros, o Diogo fez várias pistas vermelhas quase sem cair! 
Foi um sucesso! 


ROUPA PARA ESQUIAR

A maior parte da roupa que usei para esquiar foi em segunda mão: 
as únicas coisas que tive de comprar foram o casaco de neve, os óculos e optei por renovar o stock de meias quentes.
Por dentro do casaco e das calças de neve, levei os imprescindíveis forros térmicos! 
Os que levei também são da Decathlon, são quentes mas transpiráveis, 
perfeitos para fazer actividade física no topo das montanhas. 
Nunca tive frio, nem nos dias em que nevou!


ALOJAMENTOS & REFEIÇÕES

Ao todo ficámos 6 noites em Soldeu, Andorra. 
Os alojamentos em Andorra já estavam bastante escolhidos quando reservámos (acho que nem 1 mês faltava!), 
por isso optámos pelo Hôtel Austria, um 3 estrelas despretensioso, mas bem localizado, a uns 2-3km do sector Soldeu. 
Escolhemos a opção com pequeno-almoço e jantar (buffet) e foi o melhor que podíamos ter feito: 
a comida era boa, variada e assim não tínhamos de procurar um restaurante depois de 6 horas a esquiar intensamente!
Ao todo, por pessoa, as 6 noites com meia pensão ficaram 434,69€ por pessoa (cerca de 73€ por noite).


As 2 noites que passámos em Burgos foram no Hotel Las Terrazas, bastante simpático. 
Escolhemos a opção sem pequeno-almoço e cada noite ficou cerca de 20€ por pessoa.

Nas refeições que não tínhamos incluídas, inclusive nos sectores de Ski de Grandvalira, Soldeu e El Tarter, gastamos pouco mais de 150€ por pessoa ao todo.
Achei as refeições nos sectores de Soldeu e em El Tarter relativamente acessíveis,
apesar de não serem propriamente baratas!
Eu e o Diogo geralmente almoçávamos por 25€.  


UM SALTINHO A ANDORRA-A-VELHA

Antes de dizermos adeus a Andorra, demos um saltinho à sua elegante capital, Andorra-a-Velha, 
onde apreciámos os edifícios em pedra e xisto, e passeámos um pouco pelas ruas, sem rumo certo!



Antes de almoçar, demos com estas belas árvores em flor, à beira-rio, 
e não resisti a tirar várias fotografias...
Tenho um fraquinho enorme por estas flores, são uma ode à Primavera, que está quase aí!


PREÇO & CONSIDERAÇÕES FINAIS 

Ao todo, por pessoa, a viagem ficou nos 1300€. 
Este tipo de férias não são baratas, é certo, mas valem pela experiência única! 
ADOREI a experiência de esquiar, ADOREI ver a neve a cair, as montanhas brancas...
é uma paisagem onírica!
Primeiro estranha-se, depois entranha-se!


QUEM JÁ FEZ ESTE TIPO DE FÉRIAS? ONDE?
QUEM NÃO FEZ, PENSA FAZER?

Se tiverem alguma dúvida relativamente às minhas férias, não hesitem em perguntar!

Beijinhos e um excelente mês de Março para todos!


No comments:

Post a Comment

Partilha o que pensas e não te acanhes! ;)
Se fizeres alguma questão directa, eu responderei no post! Para receberes um aviso com a resposta basta clicares em "subscribe by email".

Se preferires, podes contactar-me por e-mail (myfashioninsiderblog@gmail.com) ou através da página do Facebook (sou mais rápida)!

P.S. Aqui há espaço para críticas, mas insultos, ataques pessoais e demais despropósitos não serão publicados!

ShareThis